Ministério da Infraestrutura anuncia mais de 100 leilões de projetos de infraestrutura até o fim de 2022.

Nesta terça-feira, dia 28/07, em evento virtual realizado pela Agência Brasileira de Promoção de Exportações e Investimentos (Apex-Brasil), o ministro da Infraestrutura, Tarcísio Freitas, anunciou que serão leiloados mais de 100 ativos da pasta até o fim de 2022, quando termina o mandato do Presidente Jair Bolsonaro. O objetivo principal é atrair investidores estrangeiros com oportunidades em projetos de concessão em vários modais, com foco na questão ambiental.

De acordo com as informações divulgadas pelo porta-voz do MINFRA, aproximadamente 34 projetos de infraestrutura foram enviados para análise do Tribunal de Contas da União (TCU), os quais demandam R$ 60 bilhões em investimento, e outros 12 – cuja dotação orçamentária necessária é R$ 49 bilhões – serão enviados até o fim deste ano. Entre os projetos de concessão estão elencados os das rodovias BR-116/101, entre Rio de Janeiro e São Paulo, e BR- 163, no Pará, além da Ferrovia de Integração Oeste-Leste e da concessão de 22 aeroportos.

Em tempos de incertezas, como o atual vivido pelo mundo dos negócios em meio à pandemia do coronavírus, o ministro acredita que o cenário brasileiro se apresenta como um dos melhores para os investimentos em infraestrutura, em virtude da aprovação do teto de gastos, que deu início a uma trajetória de recuperação fiscal, da reformação da previdência, bem como da contínua queda dos juros – com a taxa Selic em 2,25%. No entanto, a possibilidade atual de ultrapassar o teto pode ser um fato prejudicial para a implementação do projeto.

Fonte: Valor Econômico