Vale pretende ter lideranças negras em 2026.

As metas sociais apresentadas pela Vale aos investidores, esta semana, na Bolsa de Nova York, incluem a diversidade de gênero e raça. A empresa, que já vem crescendo no número de mulheres na força de trabalho, pretende ter mais negros em cargos de liderança. Segundo o Presidente da Vale, Eduardo Bartolomeo, houve um aumento de 39% entre 2019 e 2021 no quantitativo de mulheres na Companhia. A Vale objetiva, ainda, até 2026, ter 40% de negros em funções de líderes, contra os atuais 29%, Na última edição do programa de trainee, a Vale recrutou 95 profissionais negros.